terça-feira, 29 de outubro de 2013

Esporos...

Amor de flor 

As  flores
laçam esporos, que voam no ar,
para quem puder se apaixonar.
Elas não medem as dores
e não veem propriedades.
apenas intensidades
e amores


segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Viagem termodinâmica

Sensação dérmica

Pesava fria e molhada no liso
Alto do meu sorriso.
Escorreu, como corre o tempo,
E marcou minha derme.
Corroeu meu templo,
Como cadáver devorado por um verme.
A gota salgada, de insanidade,
Duma memória, de saudade
Não me pertencia mais.
Nem a gota,
Nem o barco,
Nem o cais.