sábado, 9 de abril de 2016

Pobres,

Pobres de nós

Pobres tico-ticos nos fubás,
Pobres saíras e sabiás,
Pobres ainda os canarinhos,
Pois moderno que somos
Chamamos todos de passarinhos. 


Nenhum comentário: