sábado, 4 de junho de 2016

Será?

Medo

A chuva fina de hoje
criou em mim poças de sensações
perfeitas a certo tipos de pensamentos.

Olho meu reflexo naquelas águas
e percebo algo:

Meus medos não são coisas,
meus medos não são bem meus.
Falo de medos,
não de receios, nem de temores
medos!

Meus medos são outros,
estão noutros
que não eu,
outros que sou eu.

Medo do que possa acontecer
aos outros
que tanto amo...
(Será?)


Nenhum comentário: